#28

A vida muda sem nos pedir autorização, sem nos avisar sequer. Não tento nunca lutar contra essa mudança: deixo-me, simplesmente, levar pela corrente. Há pessoas que hoje já não recordo mais. Sítios a que perdi a memória. Palavras que me fugiram. Datas que não sei onde estão. Até eu própria, de vez em quando, me escondo de mim. Vou, para depois regressar incompleta. Inconscientemente, precisei de criar algo meu. Um paraíso onde só eu respiro. É aqui que está quem eu sou, em toda a minha plenitude. Sem medos, sem receios, sem ansiedades, sem pressão. Venho quando preciso, quando quero. Nunca me coube na alma aquilo que tenho para dizer ao mundo. Há quatro anos que deixei de adormecer sufocada. Olho para o céu e pergunto "sobre quê que vou escrever hoje?".

Gostaste? Então, não guardes só para ti!

SOBRE A AUTORA

Olá! O meu nome é Daniela Nogueira, tenho 18 anos e estudo Direito. Sou uma apaixonada por Artes. Escrevo no (Des)Apontamentos há cerca de quatro anos (com muitas mudanças, pelo meio...) e espero fazê-lo por muitos mais. A natureza, os meus sentidos e a alma das pessoas são os meus temas favoritos!

15 Comentários

  1. Esperemos que venham mais. Neste verão, vai fazer um ano que encontrei o teu blogue algures pela internet, mas eu li todos os teus posts.
    http://addie-s-world.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que querida, Addie! É fantástico saber que leste todos os meus postes! E sim, esperemos que venham muitos mais :)

      Beijinhos*

      Eliminar
  2. R: Podes sempre participar neste novo mês :)

    ResponderEliminar
  3. Muitos parabéns!! Já são uns aninhos :o

    Adoro o teu design!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Já são mesmo :p
      E ainda bem que gostas ahahah Deu algum trabalhinho para o fazer!

      Beijinhos*

      Eliminar
  4. Desde que descobri o teu blog que fiquei fã da tua escrita, infelizmente passado pouco tempo de ter a chave da porta, tum mudaste a fechadura e deixaste de escrever. Espero ver-te por cá mais vezes!

    R:Ser blogger não é fácil, fazer circular as nossas opiniões pela internet, não ver o contador de seguidores aumentar durante meses... no fim do dia, após mais um post publicado, ver que alguém dispensou um pouco do seu dia para comentar o nosso trabalho é como desembrulhar um pequeno presente. Já não és a primeira que me aconselha nesta matéria mas ler a forma como te desenvencilhaste na escolha do curso fez-me perceber que talvez apenas me tenha de deixar ir.
    Obrigada por comentares! Foi muito importante para ler.

    myblogtwtme.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É... De vez em quando, infelizmente, afasto-me das palavras. Mas volto sempre aqui! Espero que gostes do que vou publicando :) E não tens que agradecer o meu comentário no teu blog. É muito bom que a minha história possa ajudar outros que estão em situações parecidas.

      Beijinhos*

      Eliminar
  5. Parabéns ao blogue e a ti, pelo teu trabalho fantástico ;)
    Por acaso, quando li este post fui até ao primeiro post do teu blogue e li alguns. Como tu e a tua escrita evoluíram!

    Continua assim <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, Emma! E sim, é verdade... Também noto que a minha escrita, e eu própria, crescemos muito ao longo destes quatro anos!

      Beijinhos*

      Eliminar
  6. Sabes exactamente o que penso. Tem sido um enorme prazer poder ver o teu menino crescer. E ver-te a ti também, a crescer.

    ResponderEliminar